SUBJETIVIDADES DO VIR A SER DOCENTE EM UMA PRÁTICA ENQUANTO COMPONENTE CURRICULAR (PECC) DO IFFAR: A DOCÊNCIA NA EJA – EPT (PROEJA)

Autores

Palavras-chave:

Licenciatura. Formação Inicial de Professores. Práticas Profissionais.

Resumo

Neste texto, abordamos uma das práticas profissionais dos Cursos de Licenciatura em Ciências Biológicas e em Química de um Instituto Federal. O objetivo é mapear, por meio de Cartografia, diferentes movimentos de compreensões em escritas de sujeitos em vir a ser docente sobre ou a partir de sua experiência em uma Prática enquanto Componente Curricular (PeCC), voltada à Educação Profissional na modalidade Educação de Jovens e Adultos. Entendendo a experiência enquanto experimentação, três linhas cartográficas foram identificadas: postura de recusa à concepção tradicional de currículo; reconhecimento de especificidades dos processos de ensino e aprendizagem de jovens e adultos no contexto da educação profissional; e dificuldade de reconhecer e anunciar a teoria que subsidia o pensar uma proposta pedagógica. Subjetivamente, em cada uma das escritas, desvelamos ditos que mostram o desejo de lidar diferentemente com as formas já conhecidas de docência na EJA – EPT (PROEJA).

Palavras-chaves: Licenciatura. Formação Inicial de Professores. Práticas Profissionais.

Publicado

2021-12-30 — Atualizado em 2021-12-31

Versões

Edição

Seção

FORMAÇÃO DE PROFESSORES