Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A revista Caminho Aberto é uma publicação interdisciplinar, que busca socializar, por meio de artigos científicos e relatos de experiência inéditos, atividades de extensão que tenham o objetivo de desenvolver ações articuladas com o mundo do trabalho e os diversos segmentos sociais, com ênfase na produção, desenvolvimento e difusão de conhecimento científico e tecnológico.

 

Políticas de Seção

Artigos

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Relatos de Experiência

Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Editorial

Editores
  • Douglas Juliani
Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Entrevista

Editores
  • Vinícius Gelsleuster
  • Douglas Juliani
Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares

Apresentação

Editores
  • Vinícius Gelsleuster
  • Douglas Juliani
Não verificado Submissões abertas Verificado Indexado Não verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

A decisão de aceite para publicação será baseada na recomendação de no mínimo dois avaliadores e, se necessário, de um membro do conselho editorial ou um terceiro avaliador. Somente os trabalhos aprovados por dois avaliadores serão encaminhados para publicação, quando serão publicados integralmente. O(s) autor(es) deve(em) manter seu arquivo para eventuais modificações sugeridas pelos revisores, visto que os originais enviados não serão devolvidos.

 

Periodicidade

Periodicidade de publicação semestral, em Junho e Dezembro.

Período de submissões: 01 de Novembro a 28 de Fevereiro.

Tempo médio de avaliação: 2 meses

Avaliação realizada em duas etapas

Etapa01: Análise preliminar verifica aderência ao escopo (extensão) e formato / modelo da revista.  

Etapa 02: Análise as cegas por no mínimo 2 avaliadores externos e editor de seção.

 

 

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização do conhecimento.